terça-feira, 11 de outubro de 2016

Qual é o seu valor?



Um famoso palestrante começou um seminário segurando uma nota de R$ 50,00, numa sala com 200 pessoas, ele perguntou: 
“Quem de vocês quer esta nota de R$ 50,00? ” Todos ergueram a mão.... 

Então ele disse: “Darei esta nota a um de vocês esta noite, mas primeiro, deixem-me fazer isto...” 

Então, ele amassou totalmente a nota. E perguntou outra vez: “Quem ainda quer esta nota? ” As mãos continuavam erguidas.
E continuou: “E se eu fizer isso...” 

Deixou a nota cair no chão, começou a pisá-la e esfregá-la. Depois, pegou a nota, agora já imunda e amassada e perguntou: “E agora? ” “Quem ainda vai querer esta nota de R$ 50,00? ” Todas as mãos voltaram a se erguer. 

O palestrante voltou-se para a plateia e disse que lhes explicaria o seguinte: “Não importa o que eu faça com o dinheiro, vocês continuaram a querer esta nota, porque ela não perde o valor. 

Esta situação também acontece conosco. Muitas vezes, em nossas vidas, somos amassados, pisoteados e ficamos nos sentindo sem importância. Mas não importa, jamais perderemos o nosso valor. Muitas vezes nos sentimos imundos por decisões que tomamos ou pelas circunstâncias que vem em nosso caminho.

Nós sentimos, as vezes sem valor, sem importância, mais uma vez repito não importa o que acontece ou acontecerá, nunca vamos perder o valor nos olhos de Deus. Para Ele, sujos ou limpos, amassados ou inteiros, magros ou gordos, altos ou baixos, nada disso importa! Nada disso altera a importância que temos, o preço de nossas vidas que foi pago numa cruz, não é pelo que aparentamos ser, mas por que Ele nos amou primeiro independente do que éramos ou do que fazíamos Ele nos amou. ”

Deus ama você, mesmo que você não o mereça, já que você também pecou e se perdeu.
Entregue sua vida a jesus confessando o seu pecado diante dEle e pedindo perdão, então você vai entender que você é especial.

João: 3: 16. Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.

Nenhum comentário:

Postar um comentário